02 de agosto de 2021
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

VACINA - 19/05/2021

Pfizer autoriza que vacina seja armazenada em geladeiras comuns por um mês

Ouvir a matéria:
Pfizer autoriza que vacina seja armazenada em geladeiras comuns por um mês

As exigências de armazenamento da vacina da Pfizer contra a Covid-19, que era de temperaturas muito baixas de -70ºC, mudaram. Acontece que nesta semana a agência sanitária da Europa aprovou a possibilidade de armazenagem do imunizante a temperatura de geladeira, entre 2ºC e 8ºC, por um período de 30 dias, desde que o frasco não tenha sido aberto ainda.

 

Essa é a mesma temperatura de armazenamento de outras vacinas, a exemplo das que são usadas no Brasil desde janeiro, a CoronaVac e Oxford/Astrazeneca.

 

Além da autorização europeia, a CNN apurou que a Pfizer vai pedir à Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) para alterar o protocolo de armazenamento das vacinas aqui no Brasil.

 

Segundo a reportagem, representantes da farmacêutica disseram que esse pedido possivelmente deve acontecer ainda nesta semana.

 

Atualmente no Brasil é permitido o armazenamento em geladeira comum apenas por cinco dias e por 14 dias em temperaturas de freezer, entre -15ºC e -25ºC.

 

A nova recomendação abre possibilidade para que mais cidades do Brasil possam receber vacinas da Pfizer. 

 

Na Bahia, por exemplo, o primeiro lote recebido ficou restrito a Salvador. Os lotes seguintes já foram distribuídos em cidades da Região Metropolitana, onde o governo estadual instalou superfreezers.  Informações por Bahia Notícias

Mais notícias