25 de junho de 2022
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

SAÚDE - 14/06/2022

Entenda a importância da vacina contra HPV para saúde feminina

Ouvir a matéria:
 Entenda a importância da vacina contra HPV para saúde feminina

A saúde íntima é um elemento importante para a vida das mulheres, mas ainda possui muitos tabus. Com o início da vida sexual, várias meninas passam a fazer uso de medicamentos anticoncepcionais, mas a atenção também deve ser voltada para as Infecções sexualmente transmissíveis (ISTs). Os cuidados ainda na adolescência evitam que problemas surjam na vida adulta sendo importante manter rotina médica, por isso a especialista chama atenção para a imunização contra o Papilomavírus (HPV).


Segundo a ginecologista e professora do curso de medicina da Faculdade Pitágoras, Lorena Galaes, o cuidado deve ter início ao final da infância. “O que acontece é que muitos pais têm medo de levar a adolescente ao ginecologista para não incentivar a vida sexual, o que não condiz com a realidade. O contato precoce com o especialista é importante para que a adolescente conheça melhor seu corpo, as alterações da puberdade e as formas de prevenir doenças”, comenta. Ela ressalta especificamente o HPV, IST que é considerada a mais frequente no mundo e é a principal causadora o câncer do colo de útero.


Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que o início da vida sexual entre brasileiros ocorre na adolescência. Para meninas, em torno de 14 anos e 13 anos para meninos, por isso a necessidade de uma conscientização precoce sobre infecções sexualmente transmissíveis e imunização para o HPV.


A infecção possui vacina gratuita oferecida pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para meninas de 9 a 13 anos e meninos de 11 a 14. “Os meninos estão no plano de imunização do SUS porque são considerados vetores. Ou seja, se infectados, eles transmitem a doença para as meninas, podendo causar complicações”, diz.


A médica explica também os benefícios que os cuidados com saúde feminina trazem na vida adulta, principalmente após a menopausa. Fala que a mudança hormonal que acontece após a menopausa, gera um aumento das chances de infarto ou acidentes vasculares cerebrais. “Quando paramos de ovular o nosso corpo tem uma carga hormonal menor ou com alterações, que podem desencadear doenças. É uma proteção hormonal que deixa de existir no período da menopausa, por isso a importância de realizar um acompanhamento médico, boa alimentação e exercícios ao longo da vida”, conclui.

 


FACULDADE PITÁGORAS  

 

Fundada em 2000, a Faculdade Pitágoras já transformou a vida de mais de um milhão de alunos, oferecendo educação de qualidade e conteúdo compatível com o mercado de trabalho em seus cursos de graduação, pós-graduação, extensão e ensino técnico, presenciais ou a distância.

Presente nos estados de Minas Gerais, Maranhão, Goiás, Ceará, Pará, Piauí, Paraíba, Pernambuco, Acre, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Paraná e São Paulo, a Faculdade Pitágoras presta inúmeros serviços à população por meio das Clínicas-Escola na área de Saúde e Núcleos de Práticas Jurídicas, locais em que os acadêmicos desenvolvem os estudos práticos. Focada na excelência da integração entre ensino, pesquisa e extensão, a Faculdade Pitágoras oferece formação de qualidade e tem em seu DNA a preocupação em compartilhar o conhecimento com a sociedade também por meio de projetos e ações sociais.

A Faculdade Pitágoras nasceu herdando a tradição e o ensino de qualidade oferecido pelo Colégio Pitágoras, fundado em 1966, que também deu origem ao grupo Kroton. Para mais informações, acesse o site.

 

 

Sobre a KrotonMed

A?KrotonMed é a unidade de negócio da Kroton voltada para a Medicina. Criada em 2021, a KrotonMed possui mais de 3 mil alunos matriculados no curso de Medicina em 6 instituições de ensino superior: Unic, no Mato Grosso; Uniderp, no Mato Grosso do Sul; Unime Lauro de Freitas e Pitágoras Eunápolis, na Bahia; e Pitágoras Codó e Bacabal, no Maranhão. A KrotonMed possui mais de 7 mil alunos em cursos de Saúde Presencial, mais de 18 mil alunos em outros cursos presenciais de alto valor agregado. Os cursos recebem investimentos constantes para aprimoramento da infraestrutura, que inclui laboratórios e ferramentas que utilizam as mais avançadas tecnologias voltadas ao ensino da Medicina. As instituições possuem parceria com clínicas e hospitais que atendem a população, possibilitando ao aluno acesso a um alto nível de educação que reúne teoria e prática e uma preparação eficiente para sua inserção no mercado de trabalho.

 


Contatos para a imprensa: 

Ideal H+K Strategies

Juliete Neves


Mais notícias