10 de maio de 2021
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

POLÍTICA - 17/04/2021

Deputado Ângelo almeida defende criação de Memorial Maria Quitéria

Ouvir a matéria:
Deputado Ângelo almeida defende criação de Memorial Maria Quitéria

Em indicação enviada ao governador Rui Costa, o deputado Angelo Almeida (PSB) defendeu a transformação do prédio do Colégio Estadual Maria Quitéria, localizado em Feira de Santana, que se encontra desativado há 3 anos, para abrigar o Memorial Maria Quitéria. De acordo com o socialista, o prédio está situado numa área central e de fácil acesso e, por isso, se torna um excelente local para a criação do memorial em homenagem à heroína da Independência do Brasil.
“O conceito de memorial demanda uma instituição permanente, de interesse geral, voltada para a preservação e propagação de informações históricas compostas de dados, documentos e imagens relativas a pessoas, instituições ou lugares”, explicou o parlamentar, no documento protocolado na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA).
Ele lembrou ainda que Feira de Santana, a segunda maior cidade da Bahia, com mais de 700 mil habitantes, tem se destacado na área educacional no Estado. “Reconhecida primeiramente como o mais importante entroncamento rodoviário estadual, vem alcançando boas colocações em indicadores nacionais da Educação”.
Angelo Almeida argumenta que, para manter a evolução educacional, são necessários investimentos e incentivos. Iniciativas para a preservação da história, arte, cultura e, consequentemente, da identidade de seu povo, são de fundamental importância neste processo.
E lembrou que Feira de Santana completa, em 2021, 189 anos. “Maria Quitéria de Jesus, nascida e criada na cidade, é figura de destaque na história local e nacional e é um grande símbolo que orgulha a população feirense por sua coragem e amor à pátria. Além disso, representa a emancipação da mulher, sendo a primeira a fazer parte do Exército Brasileiro, disfarçando-se de homem para entrar nas Forças Armadas”, defendeu o autor da indicação.
Para ele, a história da heroína feirense não pode cair no esquecimento. “Esta incrível história deve ser lembrada para que os cidadãos, em especial as crianças e os jovens, fortaleçam no seu imaginário a percepção de que todos estão aptos à emancipação pessoal e deve ser persistente na busca da realização de seus objetivos”, concluiu. ASCOM/ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA BAHIA

Enquete

Você acredita que teremos uma vacina contra o Coronavírus (COVID-19) neste ano de 2020?

*Enquete encerrada.
  • 16%
  • 30%
  • 55%
  • 0%

Mais notícias