15 de julho de 2024
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

JUSTIÇA - 04/06/2024

Após assumir presidência do TSE, Cármen Lúcia põe mulheres na cúpula do tribunal

Após assumir presidência do TSE, Cármen Lúcia põe mulheres na cúpula do tribunal

Única magistrada do sexo feminino no Supremo Tribunal Federal (STF) após a saída de Rosa Weber, a ministra Cármen Lúcia alçou mulheres à cúpula do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ao se tornar presidente da corte, na segunda-feira (3).

Conforme Malu Gaspar, no O Globo, a ministra, que assume a presidência pela segunda vez – ela comandou o TSE entre 2012 e 2013 -, terá outras mulheres em dois postos-chave da estrutura do tribunal: a professora Roberta Gresta como diretora-geral do TSE e a escritora e desembargadora Andréa Pachá, do Tribunal de Justiça do Rio, na secretaria-geral.

Segundo a coluna, a ministra também escalou uma mulher em outro cargo relevante do TSE: a delegada Kátia Gonçalves, da Polícia Federal, que vai assumir a secretaria de polícia judiciária, responsável por cuidar da segurança do tribunal e seus ministros.

Em março deste ano, durante julgamento sobre candidaturas laranjas de mulheres, Cármen Lúcia comentou sobre o machismo e as dificuldades enfrentadas pelas mulheres para ocupar cargos de poder.

“Os senhores homens, pelo menos nesta bancada, tiveram facilidades que eu não tive e nem tenho. Isso não me desanima de ser juíza brasileira. Isso me faz mais comprometida e responsável com outras que eu não estou vendo. Não se preocupe, mulher só desanima quando não está disposta mesmo”, afirmou a ministra na ocasião. “Vida de uma mulher para chegar a qualquer cargo não é fácil”, destacou a magistrada.

Por Bahia.ba

Mais notícias