13 de junho de 2024
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

FEIRA DE SANTANA - 06/05/2024

Mostra da Diversidade Cultural realiza capacitações gratuitas em Feira de Santana

Mostra da Diversidade Cultural realiza capacitações gratuitas em Feira de Santana

A Mostra da Diversidade Cultural inicia mais uma etapa de valorização e fortalecimento da cultura em Feira de Santana. Desta vez, serão realizadas capacitações gratuitas, através de cursos e oficinas, voltadas para gestores culturais, produtores e artistas da cidade. A iniciativa tem o patrocínio da Belgo Arames, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, apoio da Fundação ArcelorMittal, e é parte do projeto “Balaio de Feira”, desenvolvido pela Habitus Consultoria e Pesquisa, em parceria com a ONG Favela é Isso Aí.

Parte do programa Forma e Transforma, as atividades da Mostra serão divididas em três turmas. A primeira é direcionada a gestores públicos, especialmente ligados aos espaços que abrigam exposições e ações culturais da cidade. No total, serão 20 horas de atividades, distribuídas em três encontros técnicos (quatro horas cada), e monitoria online (8 horas).

A segunda turma, já em andamento desde novembro do ano passado, é voltada para os educadores da rede municipal de ensino, com foco na educação patrimonial.

A terceira turma é de Formação em Produção Cultural. Terá duração de 60 horas, distribuídas em 12 encontros técnicos (quatro horas cada) e monitoria online (12 horas). São 35 vagas destinadas a produtores culturais em início de carreira ou artistas, gestores culturais que pretendam adquirir novos conteúdos, trabalhadores da cultura e outras pessoas que queiram se iniciar nesse mercado.

As inscrições estão abertas desta segunda-feira (6) até o dia 31 de maio e podem ser feitas gratuitamente através do link disponível no Instagram da Mostra (@mostraculturalfsa). Caso haja mais interessados do que vagas, serão adotados como critérios de escolha a descentralização territorial (local de moradia do aluno, p.ex.), critérios de diversidade e inclusão e as motivações do interessado. O resultado será divulgado dia 14 de junho e as aulas terão início dia seis de julho, na Hub Feira. A formação seguirá até novembro, com aulas sempre nas tardes de sábado.

“Queremos oferecer uma nova formação para produtores culturais que estão iniciando na profissão, ou que querem ingressar nela e ainda não têm tanta experiência, para que eles possam também se capacitar para agir no cenário cultural, que cada vez exige maior profissionalização. Nosso objetivo é fortalecer jovens e demais produtores iniciantes que ainda não têm muita inserção no mercado”, explica a antropóloga e coordenadora pedagógica do projeto, Clarice Libânio.

Clarice ressalta que a atuação do projeto sempre se deu a partir de dois pilares importantíssimos. O primeiro é o conhecimento da realidade local, com pesquisa, mapeamento e diagnóstico, para conhecer o cenário da cidade, os artistas e as dificuldades. O segundo pilar é a capacitação de artistas e grupos. “Sempre trabalhamos nessa perspectiva, e no caso de Feira de Santana não foi diferente. Em 2016 a Habitus Consultoria realizou o Diagnóstico Cultural da cidade; em 2017, fizemos o primeiro curso de Gestão Cultural para artistas e grupos feirenses e já se vão sete anos desde o primeiro curso. Agora, vamos para mais um processo formativo, para atender aos que estão começando nesta profissão”, pontua.

Luciana Macedo, gerente da Belgo Arames, reforça a importância da formação: “Quando capacitamos os gestores culturais conseguimos valorizar e ao mesmo tempo fortalecer a memória cultural das localidades que recebem essa iniciativa. Com esse trabalho mostramos também a importância, diversidade, riqueza e potência dessas comunidades”.

Sobre Favela é Isso Aí

Comemorando 20 anos de atuação, Favela é Isso Aí surgiu como fruto do Guia Cultural de Vilas e Favelas de Belo Horizonte, idealizado pela antropóloga Clarice Libânio e publicado em agosto de 2004. A associação foi criada com o objetivo de proporcionar a construção da cidadania a partir do apoio e divulgação das ações de arte e cultura das periferias, além de promover geração de renda para os artistas, melhorar as condições do fazer artístico e acesso ao mercado cultural.

Sobre a Belgo Arames

A Belgo Arames é líder brasileira na transformação de arames de aço desde sua criação, fruto da parceria estratégica no Brasil entre a ArcelorMittal e a Bekaert. A empresa atua nos segmentos de Agronegócios, Cercamentos, Construção Civil, Automotivo, Solda, Aplicações Especiais e Indústria Petrolífera, oferecendo um mix de produtos e serviços que atendem com tecnologia de ponta, confiabilidade e qualidade aos mais diversos perfis de clientes.

Sobre a Fundação ArcelorMittal

A Fundação ArcelorMittal é o núcleo de investimento e transformação social do Grupo ArcelorMittal, e sua estratégia principal se divide em três eixos de atuação: educação, cultura e esporte. Por meio de projetos e iniciativas nessas áreas, se propõe a transformar a vida de crianças e jovens de forma coletiva e participativa, compartilhando conhecimento e inovação, contribuindo para a inclusão e a formação de cidadãos para um futuro melhor. Saiba mais em: www.famb.org.br.

Sobre o programa Forma e Transforma

Há mais de uma década, o programa Forma e Transforma atua em prol do desenvolvimento da cultura local, promovendo a formação artística e empreendedora, além de valorizar o patrimônio das localidades e estimular o desenvolvimento local por meio da arte e da cultura. O programa atua na realização de editais via Leis de Incentivo à Cultura.

 

Serviço:

Curso de formação em gestão cultural Balaio de Feira, Mostra da Diversidade Cultural

Período: De 6 de julho a novembro (sempre nas tardes de sábado).

Local: Hub Feira

Por Orisa Gomes

Mais notícias