27 de fevereiro de 2024
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

FEIRA DE SANTANA - 05/12/2023

Prefeito alerta para aumento de casos e mortes por dengue e covid em Feira

Prefeito alerta para aumento de casos e mortes por dengue e covid em Feira

Nesta segunda-feira (4), o prefeito Colbert Martins Filho alertou sobre o aumento de casos e mortes por dengue e covid em Feira de Santana. O comunicado foi feito durante live transmitida nas redes sociais da Prefeitura.

Segundo o gestor municipal, há uma tendência nos agravamentos dos casos de dengue por conta da chegada do verão. “O tempo está muito quente, essas doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti aumentam muito neste período. Além das ações que a gente faz, é preciso que a população esteja bem informada”, ressaltou.

Com o registro de quatro mortes por covid no último mês, o prefeito frisou a importância de completar o esquema vacinal contra a covid. “Temos que voltar a chamar atenção das pessoas. Não são apenas as crianças que precisam ser levadas para vacinar, os adultos precisam se convencer de que a vacinação é necessária”, enfatizou.

A secretária municipal de saúde, Cristiane Campos, destaca que o aumento dos casos é preocupante, principalmente de pessoas com dengue que estão se agravando mais facilmente. 

“Dos 606 casos positivos de covid neste ano, 424 foram detectados em novembro. Já sobre a dengue, 2.754 casos foram confirmados entre janeiro e novembro, cinco óbitos até agora e mais dois em investigação. Nossos agentes estão intensificando os trabalhos, mas a população também deve contribuir, fiscalizando seu quintal, suas plantas. É uma luta de todos”, pontuou.

Na avaliação da coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Carlita Correia, a curva epidêmica teve uma descida, mas a predominância da variante da dengue, denominada cosmopolita, na cidade traz um cuidado redobrado. 

“O verão é período de alta transmissão do mosquito. Tomba, Mangabeira e o Conjunto Feira X são os locais que mais contabilizaram casos de dengue e, por isso, além de atuar no próprio lugar identificado, nós faremos um trabalho focado na região vizinha para conseguir conter essa disseminação do mosquito”, argumentou.



Mais notícias