25 de setembro de 2021
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

FEIRA DE SANTANA - 17/06/2021

Transmissão de aulas em canal de TV aberta é nova aliada para estudantes

Transmissão de aulas em canal de TV aberta é nova aliada para estudantes

As aulas e demais atividades para os 51.618 estudantes da Rede Municipal de Educação ganham um aliado importante neste período atípico da pandemia pela Covid-19, a transmissão via canal de TV aberta. Para viabilizar a iniciativa, o prefeito Colbert Martins e a secretária de Educação, professora Anaci Paim, assinaram esta quinta-feira, 17, o contrato com a Rede Bahia que permitirá a exibição das aulas via canal alternativo da TV Subaé. O investimento é da Prefeitura é de R$ 186 mil ao mês.

O ato de assinatura ocorreu no Teatro Margarida Ribeiro, com a participação de diversas autoridades municipais, entre as quais, vereadores de vários partidos, secretários municipais e dirigentes, além da representação da equipe pedagógica da Seduc.

A transmissão das aulas ocorrerá de segunda a sexta-feira, durante todo o dia, atingindo todas os segmentos da Educação pública - Infantil, Ensino Fundamental Anos Iniciais (do 1º ao 5º ano) e Anos Finais (do 6º ao 9º). A Secretaria Municipal de Educação divulgará em breve a grade de programação destinada aos estudantes.

"Este é um investimento cujo valor social é imensurável porque favorecerá o acesso à Educação para a maioria das crianças da nossa Feira de Santana. Com o sinal de TV aberta vamos chegar a todos, desde os bairros mais comuns, a periferia e os oito distritos, onde o acesso às plataformas digitais e à internet é sempre menor", destaca o prefeito Colbert Martins. 

O sinal de cobertura da TV Subaé atinge a população de 52 municípios."Não teríamos nenhum problema em compartilhar a nossa iniciativa - que tem o apoio dos professores da Rede na produção das aulas - com outras cidades, caso fosse necessário", lembra o prefeito. Para as mais de 51 mil famílias, cujos filhos estudam em nossas escolas, essa alternativa é fundamental, pois evita um apagão educacional, volta a pontuar o gestor.

Ao citar o escritor e educador Rubem Alves, a professora Anaci Paim lembrou "nada é puramente negativo na vida". De acordo com ela, apesar de tantos prejuízos, a pandemia também mostrou aos professores muitas possibilidades no uso das diversas ferramentas da tecnologia da educação.

"Estamos vivendo um momento de dificuldades imensas, mas a inovação tecnológica que alcançamos neste inovador processo pedagógico de aprendizagem advém exatamente dessa necessidade de sairmos da nossa posição cômoda", observou a secretária.

RETOMADA PEDAGÓGICA ARROJADA

Anaci Paim lembrou que a equipe pedagógica buscou implementar uma "retomada pedagógica arrojada", gravando aulas com os próprios professores que se tornaram multiplicadores, tiveram empenho na produção dos percursos pedagógicos e na definição das estratégias para a adequação necessária a uma nova metodologia - a não presencial, focada em vídeoaulas e nas atividades impressas entregues semanalmente nas escolas. 

"São 90 aulas, em média, gravadas a cada semana, com o nosso próprio pessoal e o amadurecimento das estratégias que desenvolvemos com a equipe pedagógica. As professoras são as maiores responsáveis por esse feito, elas que merecem a maior homenagem por esse esforço", destaca Anaci Paim. Atualmente, a transmissão é feita pelo canal da Seduc no YouTube.

"Feira está sendo pioneira em um projeto de alcance enorme através do sinal da TV Subaé, ressaltou Humberto Garrido, diretor de Relações Institucionais da Rede Bahia. De acordo com ele, serão abertos dois novos canais específicos "com sinal de qualidade para atingir aos estudantes da Rede Municipal. Dessa forma, vamos permitir que esse conteúdo volte a trazer o ritmo necessário para que os alunos tenham mais acesso e oportunidade para aprender", afirma.

Informações por SECOM/PMFSA

Mais notícias