26 de novembro de 2020
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

ELEIÇÕES 2020 - 04/10/2020

"Tem que procurar com uma lupa para achar algo bom feito por Colbert", provoca Carlos Geílson

Radialista e ex-deputado estadual, Carlos Geílson é mais uma das candidaturas da base governista à Prefeitura de Feira de Santana. Apontado com uma terceira força diante da prometida e acirrada disputa entre Colbert Martins Filho (MDB) e o deputado federal Zé Neto, o representante do Podemos no pleito promete mudar radicalmente a gestão do município, caso vença eleição.

"Tem que procurar com uma lupa para achar algo bom feito por Colbert", provoca Geílson, que recebeu o BNews na última sexta-feira (2), durante passagem da equipe pela cidade para cobertura da Eleição. Ele disse, contudo, que caso haja algum projeto capaz de se aproveitar, não será "irresponsável" de descartar e desperdiçar dinheiro dos cofres públicos.

Segundo ele, a filosofia do seu grupo é "oposta" a do prefeito emedebista e aposta na inclusão social e na "descentralização" do poder para melhorar a cidade, segundo maior do estado e com quase 700 mil habitantes. 

Com um perfil mais moderado, Geílson quer se viabilizar como uma alternativa também ao deputado federal Zé Neto (PT), mais à esquerda politicamente e com um "temperamento às vezes exacerbado", avalia o ex-deputado. Para Geílson, hoje existem muitos eleitores que não veem no colega petista "uma pessoa equilibrada para governar a cidade".

O candidato do Podemos confia na alta rejeição dos dois nomes que surgem nas duas primeiras colocações nas pesquisas de intenção de voto e quer aproveitar este "vácuo" em Feira para se destacar.

"Eu me coloco como uma opção para o eleitorado de Feira, que não quer o deputado Zé Neto, nem o atual prefeito Colbert, os dois tem rejeições mais elevadas que os outros concorrentes, o que quer dizer que muita gente busca outro nome [...] nos colocamos como receptor de votos, tanto de pessoas da esquerda mas que não convergem com as ideias de Zé Neto, até pela forma de ser, temperamento às vezes exacerbado, e o prefeito Colbert é uma pessoa que tem demonstrado distância da população", pontua. 

Com uma ideia de promover uma "reforma estrutural" na saúde do município, Geílson pensa também nos animais e diz que pretende em seu governo construir clínicas veterinárias para fazer a castração e "fazer a chipagem" para identificação dos bichos.

Para inserir o povo nas decisões da Prefeitura, Geílson diz que uma das metas é criar um serviço de "call center" e uma ouvidoria municipal, para identificar as "demandas" dos cidadãos de Feira. "Hoje o prefeito fica encastelado esperando para ver o que a população reivindica", cutuca.

Ciente da necessidade de "enxugar a máquina pública, o ex-deputado quer implementar um sistema de "meritocracia" dentro do serviço público, reduzindo o quadro de servidores, para poder valorizar cada trabalhador. Uma das medidas, segundo ele, será retirar "cabos eleitorais" hoje empregados em diferentes setores.

"A medida que tira cabos eleitorais na folha de pagamento do município, vai dar folga para valorizar os verdadeiros servidores do município, que estão insatisfeitos", reitera.  Por b News

Enquete

Você acredita que teremos uma vacina contra o Coronavírus (COVID-19) neste ano de 2020?

*Enquete encerrada.
  • 16%
  • 30%
  • 55%
  • 0%

Mais notícias