14 de abril de 2024
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

ECONOMIA - 09/01/2024

84 dias é o tempo máximo que um imóvel demora para ser alugado em São Paulo

84 dias é o tempo máximo que um imóvel demora para ser alugado em São Paulo

Pesquisa de Valores de Locação Residencial do Secovi-SP, divulgada no final de 2023, com dados referentes ao último mês de novembro, trouxe alguns dados interessantes sobre velocidade de locação e garantias utilizadas na cidade de São Paulo no período analisado.


?Tipos de garantia


Entre os tipos de garantia mais populares, o depósito de três meses de aluguel foi o mais escolhido pelos proprietários dos imóveis.

 

Nos contratos assinados em novembro, 45% deles usaram essa garantia.

 

O fiador ficou em segundo lugar, correspondendo a 39,5% das garantias dos contratos. 

 

Além disso, cerca de 14% dos proprietários optaram pelo seguro-fiança, enquanto outros tipos de garantias locatícias representaram 1,5% dos contratos.


??Tempo de locação



Índice de Velocidade de Locação, que mede o tempo estimado que um imóvel vago demora para ser alugado, revelou que o período médio de ocupação variou entre 35 e 84 dias

 

Casas e sobrados foram os tipos de imóveis mais ágeis na locação, levando de 35 a 60 dias para serem alugados. 

 

Em contrapartida, os apartamentos apresentaram um ritmo mais gradual e demoraram, em média, até 84 dias para serem alugados novamente.


?Valor do metro quadrado


A pesquisa do Secovi-SP também mostrou o valor médio do metro quadrado de locação.

 

Para imóveis com um dormitório e estado de conservação considerado bom, o metro quadrado variou entre R$26,45 a R$53,15.

 

Para imóveis com dois dormitórios, o metro quadrado variou entre R$24,25 a R$44,69.

 

Para imóveis com três dormitórios, o metro quadrado variou entre R$21,33 a R$41,09.


Aluguel por temporada valorizou até 900% 


Quem trabalha com locação por temporada, principalmente em no litoral brasileiro sabe que janeiro tem alta demanda e, consequentemente, valorização do aluguel?

 

Você sabe o quanto o aluguel por temporada valorizou na sua região nos últimos anos?

 

No litoral paulista, segundo o Conselho Regional dos Corretores de Imóveis de São Paulo (Creci-SP), a valorização dos imóveis por temporada chegou a até 900% em 2023.

??Litoral Sul apresentou maior valorização

O litoral Sul de São Paulo, composto por cidades como em Praia Grande, Mongaguá e Itanhaém, foi a região com maior aumento no aluguel por temporada.

 

A valorização de 900% foi observada em casas de dois dormitórios e a diária saltou de R$300 para R$3.000. 

 

Para os apartamentos de apenas 1 quarto, os preços subiram de R$345 para R$1.950, correspondente a um aumento de 465%. Já nos apartamentos com 2 quartos, a diária passou de R$550 para R$1.744, o que equivale a uma valorização de 217%.


??Litoral norte e central também tiveram valorização significativa


Em cidades como Guarujá, Santos e São Vicente, na região central do litoral paulista, os apartamentos de dois e três quartos dobraram de preço, atingindo, em média, R$1.133 e R$1.560, respectivamente. 

 

Já nos apartamentos de quatro dormitórios houve um acréscimo de 238% e o valor da diária chegou a R$2.707. 

 

No litoral norte, composto por cidades como Ubatuba, Bertioga, São Sebastião e Ilhabela, os apartamentos de um quarto tiveram uma valorização de 351%. O valor da diária para esse tipo de imóvel pode chegar a até R$1.850.


Por  Equipe Arbo

Mais notícias