10 de maio de 2021
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

COPA DO NORDESTE - 24/04/2021

Nos pênaltis, Bahia vence o Fortaleza e está na final da Copa do Nordeste

Nos pênaltis, Bahia vence o Fortaleza e está na final da Copa do Nordeste

O Bahia está na final da Copa do Nordeste pela segunda vez consecutiva. Na noite deste sábado (24), o Tricolor venceu o Fortaleza nos pênaltis por 4 a 2, após empatar em 0 a 0 durante os 90 minutos, na Arena Castelão, pelo jogo único da semifnal do torneio regional. 

 

Bahia e Ceará reeditam a final de 2020 da Copa do Nordeste. A decisão do título será disputada em jogos de ida e volta. Por ter feito melhor campanha, a equipe cearense tem a vantagem de jogar em casa no segundo duelo, com isso o primeiro encontro será no reduto do Esquadrão de Aço em Salvador. As datas, horários e locais das partidas ainda serão definidos.

 

Antes de pensar na final da Copa do Nordeste, o Bahia volta o foco para a Copa Sul-Americana. Após empate na estreia, o Esquadrão de Aço recebe o Guabirá, da Bolívia, na próxima terça-feira (27), às 19h15, em Pituaçu, pela segunda rodada do grupo B.

 

O JOGO

O jogo começou com o Fortaleza tentando sair para ter o domínio do jogo. Porém, a primeira chegada foi do Bahia. Thaciano desceu bem pela direita e chutou em cima da marcação ganhando o escanteio. Após a cobrança, no bate e rebate, a bola sobrou para Nino que bateu de fora da área aos cinco minutos. Os donos da casa responderam logo em seguida com Wellington Paulista que viu Matheus Teixeira adiantado e arriscou quase do meio-campo, mas ela passou pelo direito da trave baiana.

 

Nino caiu no chão e o Bahia reclamou dizendo Carlinhos havia acertado o lateral. Após discussão, o árbitro Dênis da Silva Serafim mostrou o cartão amarelo para o jogador da equipe cearense.

 

Rossi foi acionado pela direita em velocidade e tentou cruzar para o miolo da área, mas foi travado por Quintero.

 

O jogo seguia truncado com nenhuma das equipes dando espaço para o adversário. Aos 19, Nino descolou o cruzamento, mas a defesa cearense afastou. Nino tentou a tabela com Rossi, mas o atacante devolveu mal. Em seguida, o lateral conseguiu recuperar e tocou para Thaciano, que fez o cruzamento para ninguém. Os donos da casa tentaram a resposta com David que driblou Nino na defesa e lançou Gustavo Blanco, que não conseguiu a finalização e a bola saiu pela linha de fundo.

 

Aos 25, Rossi recebeu pela direita e colocou na frente para apostar na corrida, mas acabou sendo derrubado por Carlinhos que deixou o braço. O banco de reservas reclamou com o árbitro, pois o lateral do Fortaleza já tinha amarelo. Porém, o juiz marcou apenas a falta sem dar um novo cartão. Na resposta dos donos da casa, Gustavo Blanco foi à linha de fundo e cruzou buscando Wellington Paulista, mas a zaga baiana cortou para fora.

 

O Bahia teve um contra-ataque aos 37 minutos. Após defesa de Matheus Teixeira, Rossi foi lançado na velocidade, ganhou dos dois marcadores, mas finalizou mal na saída do goleiro Felipe Alves.

 

O Esquadrão de Aço carimbou o travessão aos 41. Tabela de Matheus Bahia com Rodriguinho pela esquerda e o lateral cruza rasteiro buscando a entrada da área. Livre de marcação, Rossi chutou forte e a bola explodiu no travessão. Mas a arbitragem anulou a jogada assinalando um impedimento. Três minutos depois, Rossi desperdiçou uma chance clara. No cruzamento de Matheus Bahia, o goleiro Felipe Alves cortou mal e a bola sobrou com o atacante do Tricolor baiano que, sem goleiro, bateu para fora. 

 

Gilberto foi acionado pela direita, mas foi travado por Benevenuto na hora do cruzamento. Na cobrança de escanteio de Rodriguinho, Luiz Otávio subiu no terceiro andar e cabeceou mandando pelo lado esquerdo da trave cearense aos 46 minutos.

 

Segundo tempo

O Fortaleza voltou do vestiário com uma alteração. O técnico Enderson Moreira sacou o amarelado lateral Carlinhos e colocou o lateral Bruno Melo. Já o Bahia veio com a mesma formação que começou a partida.

 

Aos cinco minutos o Bahia reclamou de pênalti. Na bola alçada na área, Gilberto acabou caindo na chegada de Benevenuto. O árbitro mandou seguir, mas após reclamação da equipe baiana o VAR foi acionado. Porém, mesmo sem consultar o vídeo, Dênis da Silva Serafim mandou o jogo seguir. O Bahia voltou pressionando mais o adversário. Aos sete, Thaciano bateu cruzado, mas a bola foi para fora.

 

Rossi perdeu mais uma boa chance ao 25 minutos. Cruzamento de Nino, Thaciano mergulhou e a bola sobrou para o atacante que chutou para fora.

 

Rossi perdeu mais uma boa chance ao 25 minutos. Cruzamento de Nino, Thaciano mergulhou e a bola sobrou para o atacante que chutou para fora. Aos 31, Felipe Alves chutou, mas Quintero não dominou. Oscar Ruiz aproveitou e bateu do meio da rua tentando encobrir o goleiro do Fortaleza, mas mandou para fora.

 

Pênaltis

A primeira cobrança do Bahia foi de Gilberto que converteu. Bruno Melo bateu pelo Fortaleza e Matheus Teixeira defendeu. Fortaleza 0x1 Bahia

 

O segundo foi Matheus Galdezani que bateu no cantinho direito de Felipe Alves. Lucas Crispim bateu para o time da casa e também converteu, apesar de Matheus Teixeira ter acertado o canto. Fortaleza 1x2 Bahia

 

A terceira cobrança do time baiano foi de Rodriguinho que também marcou. Éderson foi o terceiro e deslocou o goleiro do Bahia. Fortaleza 2x3 Bahia

 

Juninho Capixaba foi o quarto a cobrar, mas Felipe Alves defendeu. Na vez da equipe cearense, Robson bateu e Matheus Teixeira defendeu mais outro. Fortaleza 2x3 Bahia

 

Na última cobrança, o argentino Conti estufou as redes. Fortaleza 2x4 Bahia

 

FICHA TÉCNICA
Fortaleza 0 (2) x (4) 0 Bahia
Copa do Nordeste - Semifinal

Local: Castelão, em Fortaleza
Data: 24/04/2021 (sábado)
Horário: 20h30
Árbitro: Dênis da Silva Serafim (AL)
Assistentes: Esdras Mariano de Lima Albuquerque e Brigida Cirilo Ferreira (Ambos de AL)
VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN), auxiliado por José Ricardo Vasconcellos Laranjeira (AL) e Cleriston Clay Barreto Rios (SE).

Cartões amarelos: Carlinhos, Tinga (Fortaleza) / Thaciano, Nino Paraíba, Jonas (Bahia)

 

Fortaleza: Felipe Alves; Tinga, Marcelo Benevenuto, Juan Quintero e Carlinhos (Bruno Melo); Matheus Jussa, Éderson e Gustavo Blanco (Matheus Vargas); David (Lucas Crispim), Robson e Wellington Paulista (Romarinho). Técnico: Enderson Moreira.

 


Bahia: Matheus Teixeira; Nino, Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Patrick (Jonas), Daniel (Matheus Galdezani) e Thaciano (Lucas Araújo); Rossi (Oscar Ruiz), Rodriguinho e Gilberto. Técnico: Dado Cavalcanti. Informações por Bahia Notícias

Enquete

Você acredita que teremos uma vacina contra o Coronavírus (COVID-19) neste ano de 2020?

*Enquete encerrada.
  • 16%
  • 30%
  • 55%
  • 0%