28 de maio de 2024
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

BAHIA - 02/02/2024

Governo do Estado mantém mobilização e apoio aos municípios atingidos pelas chuvas na Bahia

Governo do Estado mantém mobilização e apoio aos municípios atingidos pelas chuvas na Bahia

O Governo do Estado segue mobilizado para atender as demandas de emergência dos municípios atingidos pelas chuvas em diversas regiões da Bahia. Órgãos e secretarias estaduais estão trabalhando de forma integrada para prestar apoio e dar suporte à população baiana que foi afetada nesses últimos dias, e também permanecem com monitoramento em tempo real da situação de cada cidade.  Com base em informações recebidas das prefeituras, a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec) atualizou, nesta quinta-feira (1º), os números referentes às pessoas atingidas pelas enchentes.

Até a situação presente, são 572 desabrigados e 9.842 desalojados em decorrência dos efeitos diretos do desastre. O número total de afetados chega a cerca de 115 mil. Até o momento, foram contabilizados cinco óbitos.

Os números correspondem às ocorrências registradas em 33 municípios afetados. É importante destacar que, desse total, 23 estão com decreto de Situação de Emergência, são eles: Dário Meira, Cotegipe, Ilhéus, Medeiros Neto, Ibicuí, Anagé, Muquém do São Francisco, Quinjingue, Wanderley, Ubaíra, Nova Canaã, Saubara, Iguaí, Lagoa Real, Cícero Dantas, Cansanção, Cravolândia, São Miguel das Matas, Monte Santo, Contendas do Sincorá, Mutuípe, Barra e Itaju do Colônia.

Atuação do Corpo de Bombeiros

O 17º BBM (Batalhão de Bombeiro Militar), bem como os PMs do Graer, continuam atuando nas cidades de Wanderley, Cotegipe e em Muquém do São Francisco. No município de Wanderley, as equipes do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia auxiliaram na distribuição e logística da entrega das cestas básicas e fardos de água, enviados pelo Governo do Estado. O Graer realizou entrega de 139 cestas básicas para as comunidades de Goiabeira, Baboseira, Riacho de Sacutiaba, Sacutiaba, Porto da Ilha, Lagoa da Onça, Riacho Grande, Poço da Onça e Vereda. 

Na cidade de Muquém do São Francisco os bombeiros militares do 17º BBM estão realizando orientações, monitoramento, distribuição de cestas básicas e colchões

SEC oferece alimentação e abrigo

Para atender moradores de áreas afetadas pelas fortes chuvas que causaram prejuízos em diferentes regiões, a Secretaria da Educação do Estado (SEC) tem disponibilizado abrigo e alimentação. A ação faz parte da força-tarefa do Governo da Bahia em uma operação de emergência para auxiliar as cidades onde os temporais causaram maiores danos.

No município de Medeiros Neto, que fica no extremo sul baiano, o Centro de Educação Profissional (Cetep) já distribuiu, de sábado até esta quinta, quase 1.500 refeições para 120 pessoas desabrigadas. Nos primeiros dias, os alimentos eram feitos na própria cozinha da escola, mas, para facilitar a logística, desde terça (30), o preparo das refeições está acontecendo na Escola Municipal Humberto de Alencar, situada na sede da cidade.

O Cetep, em parceria com a prefeitura local, também está apoiando na produção da alimentação através da disponibilização de gêneros alimentícios, gás de cozinha e embalagens para as marmitas.

O Colégio Estadual de Dário Meira, no sul do estado, está servindo de alojamento para as famílias que ficaram desabrigadas. Seis famílias foram acolhidas no espaço da escola.

No início desta semana, a SEC também iniciou uma campanha entre os seus servidores da sede do órgão com o objetivo de arrecadar itens, como alimentos não perecíveis, vestuários, roupas de cama, colchões, produtos de limpeza e de higiene pessoal, que serão enviados para a população mais afetada pelas chuvas.

Rodovias afetadas

A Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra/SIT) realiza o monitoramento das rodovias das regiões Sul, Sudoeste, Oeste e Nordeste diante das ocorrências das chuvas desde a última quarta-feira (24). Até o momento foram registradas 29 ocorrências, sendo que seis já foram concluídas.

*Estradas com tráfego interditado*

BA-449 - Cotegipe - Distrito de Jupaguá – As fortes chuvas que ocorreram no Oeste Baiano ocasionaram o colapso de 02 Pontes na BA-449, entre Cotegipe e o Distrito de Jupaguá, KM 49 e 50 próximo à comunidade do Alto Araguaia.

Entr. BA-120 - Distritos de Caldeirão de Areia / Lagoa das Pedras / Riacho da Onça, em Monte Santo - O volume das chuvas na região, agravado pelo rompimento de barragens antes da rodovia, provocaram o rompimento de um segmento do Acesso ao povoado de Caldeirão de Areia e a invasão da pista em um segmento do Acesso a Riacho da Onça, ambos no município de Monte Santo. A empresa responsável pela construção do acesso foi acionada para sinalização e interdição do trecho. Também está em andamento a execução de desvio para permitir a passagem de veículos no acesso aos povoados.

Muquém do São Francisco - Ent. BA- 161 - Boa Vista do Pixaim - As fortes chuvas que caíram na região nos últimos dias provocaram a elevação do nível d’água em um dos afluentes do Rio São Francisco, invadindo a Rodovia de Acesso ao Distrito de Boa Vista do Pixaim (Muquém do São Francisco) e, interdição em dois pontos: no Acesso de Muquém à rodovia BA-161 e na transposição sobre o Riacho Alegre, locais onde serão construídas duas pontes (projetos em elaboração pela Seinfra). Observamos que o principal acesso do município à BR-242 está com tráfego normal pela rodovia BA-172. Como a obra de pavimentação do acesso estava em andamento, a empresa foi acionada para resolução da situação.

Na sede do município Muquém do São Francisco houve a elevação do nível d’água e o alagamento no centro da cidade. A empresa responsável pela manutenção da UOP da região foi acionada e está executando uma valeta natural com escavadeira hidráulica pra escoar a água do principal alagamento da cidade.

Ent. BA-210 – Povoado de Correnteza (Sobradinho) – O grande volume das chuvas em Sobradinho elevou o nível de água provocando a transposição sobre uma passagem molhada localizada sobre o Riacho do Tatauí. Também houve o rompimento do corpo de aterro no km 2,5 ocasionando a interrupção do tráfego. Não há isolamento do distrito de Correnteza, mas um desvio pelo trecho comunidade da Barrinha onde se utiliza a ponte sobre o Riacho do Tatauí, recém-construída pela Seinfra, dando acesso à BA-210.

Estradas com tráfego meia pista

BA-381 - Cansanção – Itiúba - O volume das chuvas na região provocou a elevação do nível d’água em um dos afluentes do rio Jacurial, no KM 79 da Rodovia BA-381, trecho: Cansanção – Itiúba. Após inspeção local, foi constatado que a elevação do afluente provocou erosões no bordo da rodovia. A empresa responsável pela manutenção de Senhor do Bonfim foi acionada para intervenção. A sinalização de tráfego em meia pista já foi feita e recuperação do corpo de aterro está em andamento. Previsão de conclusão na 1ª quinzena fevereiro/24.

BA-262 - Nova Canaã – Poções - O trecho da Serra do Capa Bode foi afetado pelas fortes chuvas e está com tráfego meia pista em decorrência do aumento da erosão já existente no local. O consórcio Público CISudoeste foi acionado para reforço da sinalização do trecho.

BA-404 - Cipó – Buri - O volume das chuvas na região provocou a elevação do nível d’água em um dos afluentes do rio Itapicuru. A elevação provocou interdição do trecho e danos no bordo do pavimento. A obra de pavimentação no acesso à localidade de Buri ainda está em execução e a empresa foi acionada para correção dos bordos do pavimento e reforço da drenagem de talvegue (bueiro). A previsão de conclusão é no mês de março.

Tráfego liberado

Ent. BA-052 – Povoado de Jaguara (Feira de Santana)

BA-262 - Ilhéus - Uruçuca - Entroncamento BR-101

BA-381 - Quijingue – Algodões

BA-026 - Santo Antônio – Amargosa

BA-849 - Entr. BR-242 - Palmeiras

BA-046 - Ruy Barbosa - Utinga


Pontos de atenção

A Seinfra está com monitoramento presente nos 15 trechos abaixo:

BA-262 –Anagé – Aracatu (Povoado de Jibóia) - A transposição do rio sobre a pista provocou a destruição das bocas e uma erosão na saída do bueiro. O trecho está sinalizado e a recuperação da erosão do bueiro está em andamento com previsão de conclusão na primeira quinzena fevereiro/24.

Cotegipe - Zona Rural de Tabua - Em razão das Fortes Chuvas que ocorreram no Oeste Baiano, um pontilhão na zona rural de Cotegipe, próximo à comunidade de Tabua ficou submerso, apresentando deficiência para transposição das águas.

BA-465 - Cotegipe - Missão do Aricobé (Angical) - Em razão das fortes chuvas que ocorreram no Oeste Baiano, um pontilhão na BA-465, no povoado de Vaquetal, ficou submerso, apresentando deficiência para transposição das águas.

BA-120 - Cravolândia - 3 Braços - As fortes chuvas da região provocaram pontos de alagamento e dificuldades de trafegabilidade na Rodovia BA-120, trecho não pavimentado. Serão realizados serviços de melhoramento no trecho até a segunda quinzena de fevereiro.

BA-503 - Feira de Santana - Coração de Maria - As fortes chuvas da região provocaram erosão no borda da Rodovia BA-503, Feira de Santana (FSA) - Coração de Maria, próximo ao Bairro de Santo Antônio dos Prazeres (FSA).  O trecho está sinalizado e a recomposição do aterro está em andamento com previsão de conclusão até 07/02/2024.

Acesso aos povoados de Jacu, Barro Branco e Rio das Pombas (Nova Canaã) - Em razão das fortes chuvas ocorreu o colapso de uma Ponte sobre o Rio das Pombas.

BA-381 - Quijingue – Cansanção - As fortes chuvas da região provocaram pontos de alagamento e dificuldades de trafegabilidade na Rodovia BA-381, trecho não pavimentado.

Wanderley - Povoado da Goiabeira - As fortes chuvas que atingiram a região durante o mês de janeiro provocaram pontos de alagamento e dificuldades de trafegabilidade. A empresa contratada para execução dos serviços de revestimento primário já foi acionada para realização de patrolamento e melhoramento em pontos localizados.

BA-839 - Passagem Urbana da BA-839, em Wanderley – A ponte de madeira existente ficou danificada com as fortes chuvas. A Seinfra está atualizando o orçamento do projeto de construção de Ponte sobre o Riacho Tijucuçu no acesso a BA839 em Wanderley.

BR-242 - Castro Alves – Entroncamento BR-116 (Paraguaçu) – A transposição do riacho sobre a pista provocou a destruição de parte do acostamento e uma erosão na saída dos bueiros. A sinalização de tráfego foi realizada e a recuperação da erosão do bueiro tem previsão para a primeira quinzena fevereiro/24.

BA-120 - Itapé - Itaju do Colônia - As fortes chuvas da região provocaram pontos de alagamento e abatimento, mas sem interdição na rodovia. A empresa responsável aguarda melhora das condições climáticas para realização dos serviços.

BA-558 - Jequié – Distrito de Itajuru – O trecho está sinalizado em decorrência de uma erosão causada pela água do Rio de Contas no KM 17,60, próximo a Tamarindo. A inspeção já foi realizada no trecho e detectou pontos alagados, erosão e desmoronamentos parciais de talude de corte também nos quilômetros 11,4 , 13,3 e 15,60. Serviços de manutenção estão em andamento com previsão de conclusão até 15 de fevereiro.

Acesso ao Distrito de Itabaí (Macarani) - O grande volume de água cobriu o desvio implantado enquanto a obra de restauração da ponte está em execução. A empresa responsável pela manutenção foi deslocada para o local. Após inspeção realizada nessa segunda (29), foi constatada a redução do nível do rio, possibilitando a passagem sobre o desvio. A obra de construção da ponte segue em andamento com previsão de conclusão em abril.

Acesso Caeté Açu (Vale do Capão) – Palmeiras - As fortes chuvas da região provocaram pontos de alagamento e dificuldades de trafegabilidade. A empresa contratada para execução dos serviços de pavimentação realiza ações de melhoramento com conclusão prevista para primeira quinzena de fevereiro.

BA-263 - Vitória da Conquista – Itambé - As fortes chuvas da região provocaram a elevação do nível d’água de uma barragem situada na fazenda Beija-flor, às margens da BA-263, entre Vitória da Conquista e a Serra do Marçal, e o grande fluxo de água provocou uma erosão na BA-263 na saída do bueiro que atravessa a rodovia. A empresa responsável pela manutenção da BA-263 foi acionada pela Seinfra e a recuperação do aterro será iniciada ainda neste mês de fevereiro.

Foto ilustrativa: Divulgação




Secom  - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Mais notícias