28 de outubro de 2021
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

BAHIA - 13/09/2021

Inaugurada 21ª policlínica da Bahia em Serrinha; mais de 80 empregos são gerados

Ouvir a matéria:
Inaugurada 21ª policlínica da Bahia em Serrinha; mais de 80 empregos são gerados

Os moradores de Serrinha, a 205 km de Salvador, vão recorrer menos à capital. Isso porque foi inaugurada nesta segunda-feira (13) a 21ª policlínica da Bahia no município, que, já a partir desta terça-feira (14), vai ofertar consultas especializadas, não médicas e, futuramente, até procedimentos cirúrgicos. A policlínica proporciona 84 empregos diretos.

inauguração na região do Sisal faz parte de uma estratégia do Governo do Estado para descentralizar a saúde na Bahia. Essa policlínica também vai atender aos municípios de Araci, Barrocas, Biritinga, Conceição do Coité, Euclides da Cunha, Lamarão, Monte Santo, Quijingue, Retirolândia, Santaluz, São Domingos, Serrinha, Teofilândia e Valente. 

Durante o evento de inauguração, o governador Rui Costa anunciou que outros pequenos procedimentos cirúrgicos devem ser incluídos entre os serviços oferecidos pelas policlínicas. 

"Nós estamos contratando alguns procedimentos para fazer na própria policlínica. Além do diagnóstico na oftalmologia, por exemplo, como a policlínica está habilitada para pequenas intervenções, nós vamos contratar o serviço para fazer os procedimentos na própria policlínica, inclusive de catarata, para não precisar remeter o paciente para outro lugar", disse o governador.

Mais seis unidades de saúde ainda serão entregues, sendo duas em Salvador, uma em Santa Maria da Vitória, outra em São Francisco do Conde e uma última em Ilhéus. 

Investimento

A 21ª policlínica recebeu um investimento superior a R$ 29,1 milhões entre obras, equipamentos e veículos, e atenderá 500 mil habitantes de 14 municípios da região centro-leste da Bahia. Ao todo, 391 dos 417 municípios baianos já têm acesso a policlínicas, que realizam gratuitamente os exames solicitados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

As policlínicas são construídas e equipadas com recursos estaduais. Durante a operação da unidade, o Estado participa com 40% do custeio e os outros 60% são financiados pelos municípios consorciados, de acordo com a sua população.

A policlínica em Serrinha oferece consultas especializadas em angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastroenterologia, neurologia, otorrinolaringologia, oftalmologia, urologia, pequenos procedimentos cirúrgicos, ginecologia, pneumologia, dermatologia, reumatologia, anestesia, fisioterapia e ortopedia. As especialidades não médicas são farmácia clínica, enfermagem, psicólogo e nutricionista e exames de mapa, holter, ecocardiograma, ergometria, eletrocardiograma, eletroencefalograma, endoscopia digestiva, ultrassonografia doppler, raio-x e tomografia.

Na ocasião, Rui também entregou um caminhão-pipa e uma máquina rolo compactador, nos quais foram investidos R$ 619 mil, para o Consórcio Público de Desenvolvimento Sustentável do Território do Sisal.

Para levar os pacientes de seus municípios até a policlínica, o Governo do Estado adquiriu sete micro-ônibus com ar-condicionado e acessibilidade e quatro vans, que fazem o transporte diariamente.

Por B News

Mais notícias