17 de junho de 2021
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

BAHIA - 08/06/2021

Agricultores familiares de Ituaçu vão contar com unidade de processamento de derivados de mandioca

Ouvir a matéria:
Agricultores familiares de Ituaçu vão contar com unidade de processamento de derivados de mandioca
As obras da construção da Unidade de Processamento de Derivados de Mandioca, da Associação dos Produtores Rurais do Guigó, no município de Ituaçu, seguem a todo vapor. A comunidade está na expectativa para a inauguração da agroindústria, construída pelo Governo do Estado, que vai melhorar a renda de 60 famílias diretamente, com a venda de bolos, biscoitos, entre outros quitutes que serão produzidos na unidade.

A obra civil já está em fase final, e será entregue ainda este ano. O investimento, de R$460,9 mil, está sendo realizado por meio do Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com cofinanciamento do Banco Mundial.

A Assistente Comunitária Rural (ACR), Marcia Barbosa Teixeira, do Bahia Produtiva, conta que algumas pessoas produzem a tapioca individualmente: "Com a agroindústria pretendemos expandir  juntos a produção para vender em mercados e participar de compras públicas, por exemplo".

A Associação dos Produtores Rurais do Guigó também foi contemplada com 20 barracas de feira, para organizar a venda de produtos nas feiras livres, equipamentos de escritório para auxiliar a gestão, veículo utilitário para transportar os produtos e a contratação de uma Assistente Comunitária Rural (ACR), que presta assistência à comunidade junto aos profissionais de assistência técnica e extensão rural (Ater). Ainda está prevista a entrega máquinas e equipamentos como despolpadeira de frutas, forno e fogão industrial, mesa para processamento dos produtos e balança para pesagem.


Assessoria de Comunicação SDR/CAR 

Enquete

Você acredita que teremos uma vacina contra o Coronavírus (COVID-19) neste ano de 2020?

*Enquete encerrada.
  • 16%
  • 30%
  • 55%
  • 0%

Mais notícias