06 de agosto de 2020
MIN MAX
Envie fotos e vídeos
para nosso WhatsApp
75 99120-3503

Notícias

JUSTIÇA - 30/07/2020

Trabalhador que é MEI pode receber seguro desemprego se comprovar não ter renda suficiente

Trabalhador que é MEI pode receber seguro desemprego se comprovar não ter renda suficiente

O microempreendedor individual (MEI) que também é trabalhador com carteira assinada tem direito ao benefício do seguro-desemprego, desde que comprove não ter renda suficiente para se sustentar.

Segundo o Portal do Empreendedor do Ministério da Economia, o microempreendedor tem direito ao seguro “desde que não tenha renda mensal igual ou superior a um salário mínimo (R$ 1.039, em janeiro de 2020, e R$ 1.045, a partir de fevereiro) no período de pagamento do benefício”.

De acordo com o jornal Metrópoles, o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) seguiu esse entendimento e decidiu a favor de uma trabalhadora que ficou desempregada e se tornou MEI por um período de cinco dias.

Ainda segundo a publicação, a mulher chegou a ter o benefício suspenso após a superintendência do Trabalho e Emprego da Bahia ter recorrido no TRF-1 para negar o seguro-desemprego, mas conseguiu obter o direito de volta.

Para a advogada Ramille Taguatinga, do escritório Kolbe Advogados e Associados, o governo tem negado, de maneira equivocada, o benefício a MEIs dispensados do regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) com renda inferior a um salário mínimo.

“Não basta a pessoa só ter um CNPJ para negar o seguro, que vem para combater a falta de renda. Então, se ela tem um CNPJ, que seja MEI, e receba por exemplo R$ 500 por mês, tem direito ao benefício”, explicou Taguatinga. Informações por B News

Enquete

Você acredita que teremos uma vacina contra o Coronavírus (COVID-19) neste ano de 2020?

*Enquete encerrada.
  • 16%
  • 30%
  • 55%
  • 0%